"Pensar é Guardar"

por Banco das Artes Galeria


Bilhetes

Perfis

Partilhar

"Pensar é Guardar" - Exposição colectiva - 10 artistas

O Projeto Pensar é ‘guardar’ surge no âmbito da comemoração dos 50 anos da geminação das cidades de Leiria e Tokushima, compreendendo uma exposição (a inaugurar no dia 12 de outubro) e uma conversa, de acesso livre, realizada no mesmo dia, com a presença de alguns artistas e a teórica relacionada com a investigação das nossas relações com o Japão, permitindo ampliar a reflexão proposta pelas obras expostas. Como artista visual, proponho pensar e sentir esta relação entre duas culturas distantes a partir do lugar e do tempo. Ou seja, o lugar é aqui o da produção (considerada em sentido alargado) e também o do guardar (que associa património e tradição). O tempo é o da memória comum coletiva versus memória individual.
A exposição ocupará os espaços da Galeria de Arte - Banco de Portugal e o do Moinho do Papel, ambos situados no centro da cidade de Leiria. O primeiro estabelece uma forte alusão à ideia de guardar, face à história do próprio edifício e o segundo convoca a questão da produção, valorizando o labor e o saber fazer, relacionando o conceito, a techné e a tradição.
Partindo do referido enunciado, que associa as diferentes propostas teóricas e artísticas apresentadas em Leiria, cada observador poderá construir novas perceções e leituras ao aproximar-se de gestos, cores, cheiros e materiais que convocam esse outro lugar – Tokushima, no Japão. Aproximando-se através do discurso criativo, Tokushima suscitará em cada observador possíveis afinidades.

Exposição patente até dia 31 de dezembro

Banco das Artes Galeria

R. Dom Dinis 7B

Categorias

Exposições

Informação Adicional

Horário